Gilistas mais fortes diante do Rio Ave FC

Um golo do central Rodrigo, aos 39′, foi suficiente para o Gil Vicente FC conquistar os três pontos no duelo com o Rio Ave FC, da 30ª jornada da Liga NOS.

Perante uma equipa com objetivos distintos, a equipa Gilista sofreu até ao último segundo do duelo, mas acabou mesmo por arrecadar três pontos importantes para as contas finais da competição.

Sem grandes oportunidades de golo de parte a parte no primeiro tempo, os barcelenses abriram o marcador à passagem do minuto 39′, quando Rúben Ribeiro bateu um livro na direita do ataque do Gil Vicente e Rodrigo, na área, cabeceou para o fundo da baliza rioavista. Ainda na primeira parte os comandados de Vítor Oliveira voltaram a ter oportunidade para marcar, com Lourency a tentar o remate e Sandro Lima a ficar a poucos centímetros de introduzir o esférico na baliza adversária.

No reatamento, a primeira equipa a criar perigo foi o Rio Ave, através de Gelson Dala, mas o remate saiu por cima da baliza de Denis. Logo depois Lourency teve oportunidade de marcar o 2-0, mas o guardião dos vilacondenses segurou o esférico.

Aos 53′ o capitão Gilista, Rúben Fernandes, viu o segundo cartão amarelo e a equipa de Vítor Oliveira acabou por ficar reduzida a 10 jogadores, tornando a tarefa de segurar a vantagem ainda mais difícil. Aos 57′ o árbitro da partida assinalou grande penalidade a favor do Rio Ave FC, cometida por Lourency, mas após consultar o VAR o juiz anulou a decisão. Aos 81′ os visitantes chegaram ao golo, mas foi anulado por posição irregular.

Samuel Lino, aos 86′, rematou ao lado da baliza de PawelKieszek, após um cruzamento de Ahmed na direita do ataque Gilista. Nos minutos finais o Rio Ave FC tentou chegar ao golo, mas o guardião Denis e a defesa Gilista conseguiram quebrar os lances ofensivos do adversário.

O Gil Vicente FC conquistou assim mais três pontos, somando atualmente 36 pontos.