Golo do Marítimo perto do final permite derrota

O Gil Vicente FC não conseguiu conquistar pontos no jogo da 14ª jornada da Liga NOS, diante do CS Marítimo. A equipa Gilista sofreu o golo da derrota já perto do final da partida e não conseguiu virar o marcador.

Num duelo equilibrado e com poucas oportunidades de golo, a primeira boa oportunidade de abrir o ativo pertenceu ao Gil Vicente FC, com Talocha a rematar de fora da área após uma defesa inconclusiva do guarda-redes dos insulares.

Aos 19′ os Gilistas voltaram a estar perto do golo. Lourency, à entrada da área, rematou para com força, mas o esférico embateu nos defesas da equipa adversária.

Com o nulo ao intervalo, a equipa do Marítimo entrou com mais força no segundo tempo e teve mais bola nos primeiros minutos. No entanto, os remates desenquadrados com a baliza de Denis permitiram que o empate sem golos se mantivesse. A equipa que acabou por conseguir melhor oportunidades de golo foi mesmo o Gil Vicente FC: aos 70′ Claude Gonçalves rematou para defesa do guardião do Marítimo e, pouco depois, Lourency cruzou para Lino cabecear, mas o guarda-redes insular voltou a segurar o esférico.

O único golo do jogo acabou por aparecer aos 86′: cruzamento na direita do ataque madeirense e Lucas Áfrico, na área, cabeceou para o fundo da baliza Gilista.