Ricardo Soares: “O golo cedo criou uma instabilidade muito grande”

Ricardo Soares, técnico Gilista, afirmou no final da partida diante do FC Paços de Ferreira que o golo marcado cedo pelo adversário “criou uma instabilidade muito grande” na sua equipa que, por isso, “demorou a entrar no jogo”. O treinador do Gil Vicente FC afirmou ainda que “o segundo golo surge de um erro incompreensível” num “momento em que o Paços estava melhor no jogo”. “Entrámos bem na segunda parte e tivemos várias situações para concretizar, mas não concretizamos (…) fomos mais equipa e fomos mais Gil Vicente FC, mas o golo aparece muito tarde”, disse, afirmando ainda que “se o golo tivesse aparecido mais cedo seria diferente”.

Confira a conferência de imprensa do técnico do Gil Vicente FC após o jogo com o FC Paços de Ferreira: