Gil Vicente gigante conquista vitória na Luz

Um Gil Vicente gigante chegou ao Estádio da Luz, viu e venceu. Numa verdadeira demonstração do incrível espírito de equipa, da união e da garra, a equipa Gilista foi ao reduto do SL Benfica conquistar os três pontos em discussão da jornada 27 da Liga NOS.

A equipa da capital era claramente favorita, mas a tática do treinador Ricardo Soares sobrepôs-se ao favoritismo do adversário e trouxe para Barcelos os três pontos. Léautey e Lourency marcaram os golos do emblema barcelense, que mostrou o seu valor e a sua raça durante 90′.

Foram mesmo os barcelenses que entraram em força no jogo e tentaram primeiro encontrar o golo. Logo aos 14′, Pedrinho, no corredor esquerdo, deu para Vítor Carvalho que, de fora da área, tentou o remate com força mas o esférico saiu por cima da baliza benfiquista.

Foi aos 34′ que um inesperado remate de Léautey fez desmoronar a defensiva do SL Benfica. O extremo brasileiro recebeu um passe longo de Pedrinho, fletiu para dentro e de fora da área rematou rasteiro para fazer abanar as redes da baliza adversária.

Ainda antes do intervalo os locais tentaram chegar ao golo, mas sem sucesso. Já no segundo tempo, logo no arranque, Joel Pereira na direita serviu Lourency mesmo na frente da baliza, mas o remate do brasileiro acabou por sair pela linha final. Aos 52′ os locais beneficiaram de uma boa oportunidade, mas a bola saiu por cima da baliza de Denis. Em resposta, Pedro Marques podia ter feito o 2-0, mas pressionado pelos defesas adversários acabou por rematar por cima. No lance seguinte do SL Benfica voltou a estar perto do golo, mas o marcador manteve-se no 1-0 a favor dos Gilistas.

Com vontade e atrevimento, foi aos 80′ que o Gil Vicente FC aumentou a vantagem no marcador. Lourency Rodrigues arrancou pelo corredor esquerdo após uma boa jogada coletiva, entrou pela área e, de pé esquerdo em frente a Helton Leite, atirou para fazer o 0-2.

Aos 86′ o SL Benfica ainda reduziu a vantagem, com Vítor Carvalho a ter a infelicidade de marcar na própria baliza após uma defesa para a frente de Denis. No entanto, o golo dos lisboetas não chegou para impedir o triunfo Gilista, conquistado com muita garra e união de uma grande equipa.