Gil-vs-Marítimo

Reviravolta no segundo tempo e regresso às vitórias

O Gil Vicente FC foi até à ilha da Madeira buscar a vitória que fugia há seis encontros. Num duelo frente ao CS Marítimo referente à 6ª jornada da Liga Bwin, a resiliência gilista permitiu uma reviravolta no segundo tempo, com um bis do suspeito do costume, Fran Navarro.

A turma insular entrou melhor no encontro e adiantou-se no marcador ao minuto 27. Na sequência de um pontapé de canto, Léo Andrade subiu mais alto que toda a gente e cabeceou de forma certeira. No lance sensivelmente anterior, Andrew já tinha negado o golo ao central maritimista com uma enorme intervenção.

O golo sofrido despertou os barcelenses que não mais deixaram de mandar no encontro até final. Ainda na primeira metade, Fran Navarro ameaçou a baliza madeirense com dois golpes de cabeça: o primeiro embateu na barra, o segundo quase sobrevoou Miguel Silva.

A pólvora seca do avançado espanhol depressa foi substituída pela sua eficácia habitual. Logo a abrir o segundo tempo, Navarro apareceu a finalizar à boca da baliza após assistência de Kanya Fujimoto. Três minutos depois quase surgiu o bis, não fosse a estirada atenta de Miguel Silva.

Do outro lado, o poste impediu, ao minuto 59, que Joel Tagueu recolocasse os homens da casa em vantagem. No entanto, a tarde era de Fran Navarro, que coroou a boa exibição com o segundo golo da conta pessoal, ao responder de forma felina a um primeiro cabeceamento de Lucas Cunha, a cinco minutos do apito final.

O tento tardio fez jus àquela que foi a superioridade dos galos ao longo de quase todo o encontro. Agora com oito pontos conquistados, o Gil Vicente regressa no próximo sábado ao Estádio Cidade de Barcelos, para defrontar o Rio Ave FC pelas 15h30.