Ivo Vieira: “O Gil foi muito melhor e superior ao Rio Ave”

Na ressaca do encontro frente ao Rio Ave FC, Ivo Vieira considerou que o Gil Vicente merecia mais do que o empate. Ainda assim, o técnico gilista enalteceu a atitude dos jogadores e o apoio dos barcelenses.

 

Sobre o jogo:

Na primeira parte só houve uma equipa a querer ganhar o jogo, pelas oportunidades e pelo volume ofensivo que teve. Podíamos ter feito um ou dois golos no primeiro tempo. O Rio Ave acaba por marcar no primeiro remate à baliza, o que foi uma pancada forte em cima do intervalo.  Na segunda parte voltamos a entrar bem, mas sofremos outro golo. É de louvar e valorizar o comportamento que os atletas tiveram, juntamente com a nossa massa associativa que empurrou a equipa numa altura em que o resultado era muito injusto. No cômputo geral acho que o Gil foi muito melhor e superior ao Rio Ave, no entanto não teve a sorte do jogo.

 

Sobre a equipa:

Os jogadores tiveram uma entrega boa, criaram um volume ofensivo suficiente para ter retirado outro resultado, mas não estamos a ter a qualidade que deveríamos ter no último terço. Se formos mais conscientes, mais maduros, mais frios e tomarmos melhores decisões vamos fazer mais golos. Nitidamente a equipa chega, limpa bem a primeira fase de construção, chega bem ao último terço, mas na tomada de decisão temos de ser melhores. Provavelmente os jogadores vão crescer à medida que o tempo for andando. Se tomarmos melhores decisões vamos conseguir vitórias de forma mais sustentada e mais confortável.

 

Sobre Murilo:

É um momento de felicidade para o atleta, de satisfação para o seio gilista e de grande alegria para o grupo de trabalho. O Murilo é um excelente atleta em termos técnicos e táticos, mas é um super-homem como pessoa. Temos de ter gente boa no futebol, com bom caráter, pessoas amigas e que queiram o bem do futebol. O Murilo é um exemplo disso tudo, ele complementa muito aquilo que é o ser humano. É um grande homem e um grande atleta, por isso estou extremamente satisfeito. O Murilo voltou, entrou e marcou, isso é fantástico.

 

Assista aqui à conferência completa: